Vizela, a cidade termal

Tão perto de casa e ainda por explorar, Vizela foi o nosso destino escolhido para uma pequena escapadinha de Inverno!
É um dos mais jovens concelhos do país, situa-se no Norte de Portugal, mais concretamente no coração do Minho, a apenas a 8 km de Guimarães.

A cidade está com iniciativas novas e em Dezembro a grande novidade foi a Cidade Natal com pista de gelo, mercadinhos, comboio turístico, aldeia do Pai Natal e mais iluminação natalícia nas ruas da cidade.
Sendo nós uns amantes de Mercados de Natal, não poderíamos perder a oportunidade de conhecer um aqui tão perto!        

O que visitar?

Começamos então a nossa visita pelo Centro de Vizela, na zona do Fórum, conhecendo todas as novidades natalícias para a nossa criança interior ficar feliz e fomos explorando todas as estreitas ruas de Vizela. É inevitável não reparamos no grande patriotismo que aqui existe porque em quase todas as casas têm bandeiras do município!

Vizela também é muito conhecida por ser uma região de Termalismo e a visita às suas Termas é um ponto obrigatório, nem que seja para conhecer as instalações e fazer uma massagem! As propriedades das suas águas têm poderes curativos em casos de problemas respiratórios, de pele e osteo-articulares.

Perto das Termas, existe um parque muito agradável para passeios em família, prática de exercício ou simplesmente para fugir da agitação citadina e respirar ar puro! É chamado por Parque das Termas.

Como já tem sido habitual nos nossos passeios, fomos conhecer
outra quinta produtora de vinhos e desta vez optamos pelas Caves Casalinho e os seus vinhos da casta de Alvarinho, Loureiro
e Arinto. São os únicos produtores de vinho verde com sede no concelho de Vizela e são inúmeros os vinhos produzidos nas Caves Casalinho, incluindo Três Marias e Casalinho. A quinta recebe visitas apenas mediante reserva.


E como não há bebida, sem comida, fomos também conhecer o famoso Bolinhol, o pão de Ló típico de Vizela, cuja a origem deve-se à Casa do pão de ló Delícia. Sempre que virem um Bolinhol completamente rectangular, conseguem identificar que foi fabricado por esta empresa, pois é a única que possui a patente registada para tal formato.

Mais afastado um pouco do centro, visitamos o Santuário de São Bento Pêras, um local de culto que nos oferece uma vista fantástica sobre toda a cidade. Mesmo que não sejam religiosos, vale sempre a pena visitar este ponto turístico, pelas vistas e pelas suas varandas panorâmicas.
Foi lá que tiramos uma das nossas fotografias mais bonitas, no Verão!

14079746_697228660440310_5275118415552230970_n (1)_1200x1200.jpg

Onde comer?

Experimentamos dois conceitos bastantes diferentes um do outro, mas ambos surpreenderam muito pela positiva. E claro, pratos muito bem servidos como já é habitual no norte de Portugal!!
Almoçamos no restaurante Adega Avelino: arroz de feijão com filetes de pescada e lombo assado!

Ao jantar, fomos conhecer a Mercearia, um pequeno espaço com conceito muito original onde além de almoçar/ jantar, é possível apenas petiscar e comprar produtos regionais, uma ótima ideia para os cabazes de Natal.

Onde dormir?

Para completar a nossa visita, pernoitamos no Hotel Bienestar de Vizela, um espaço moderno, acolhedor e bem central! Possui parque de estacionamento e oferece um pequeno-almoço bastante variado!

RCF_5901_1600x1014.jpg

Boas viagens!

Deixe uma resposta